Se inscreva agora

* You will receive the latest news and updates on your favorite celebrities!

Trending News

Quem é Aníbal

Conheça um pouco da minha história

Conheça um pouco da minha história

Sou filho de Hilton de Menezes Lins, um representante comercial, amazonense, e de Maria Victoria Santos da Silva, técnica em contabilidade, ambos já falecidos.

Nasci aos 24 de dezembro de 1964, na Maternidade Benedito Leite, em São Luís do Maranhão, de onde sai para a Vila Margarida, na Rua de Santo Antônio, no centro histórico, onde vivi os meus primeiros anos de vida.

Tenho muito orgulho da cidade em que eu nasci e de ser maranhense!

Fui alfabetizado, estudei e cresci no Centro Histórico de São Luis, onde fiz muitas amizades. Depois tive a honra de frequentar a Universidade Federal do Maranhão, onde fui aprovado em concurso vestibular para o Curso de Economia, que concluí em 1988.

Como muitos jovens brasileiros e maranhenses, iniciei minha vida profissional bem antes de concluir meus estudos.

Fui bancário, professor e, atualmente, sou oficial de justiça, servidor concursado do Poder Judiciário do Estado do Maranhão, e tenho uma vida marcada pelo ideal de lutar por oportunidades iguais para todos!

Ao longo da vida, de toda a minha vida, eu sempre estive ligado às lutas sociais, em defesa dos Direitos Humanos e da garantia de oportunidades iguais para todos.

Minha visão de mundo, meus princípios éticos e políticos, e meu caráter, foram herdados de meus pais, e moldados pelos valores espirituais da fé cristã.

Iniciei minha atuação social na Pastoral de Juventude da Arquidiocese de São Luís, alicerce das minhas convicções e futura militância política depois no Movimento Estudantil, durante minha vida acadêmica na Universidade Federal do Maranhão, e no Movimento Sindical depois, na minha vida profissional, quando participei das entidades de classe das categorias profissionais nas quais pertenci.

Eu quero agora, por esse canal na comunicação, compartilhar um pouco da minha história, das minhas ideias e experiências, estas vividas ao lado de muitos companheiros e companheiras de jornada, que fizeram e fazem parte dessa construção coletiva de sociedade mais inclusiva, mais justa e, principalmente, democrática.